Home / História / Nossa história

SIEEESP, 80 ANOS A SERVIÇO DA EDUCAÇÃO

No dia 16 de outubro de 1932, 13 colégios reuniram-se na sede da antiga Escola Comercial da Mooca, com a finalidade de “fundar uma federação das escolas de comércio desta capital e do interior, tendo em vista satisfazer cabalmente o andamento do ensino comercial , forma que as escolas do comércio, unidas formando um todo, possam ver realizados os seus interesses de serem instrutivas, e judiciais, que perante as juntas competentes, terceiros e entre si, e consequentemente a solução de problemas como: intercâmbio intelectual, proteção aos diplomados, vigilância à execução das leis que regem o ensino comercial e as respectivas profissões”, segundo palavras escritas na primeira ata oficial. Estava, assim, formada a Federação das Escolas de Comércio de São Paulo.

No ano seguinte, a Federação mudou de nome, passando a ser conhecida como Associação Profissional do Estado de São Paulo. Em janeiro de 1945, época em que recebeu sua primeira Carta Sindical, a instituição passou a chamar-se Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Comercial no Estado de São Paulo. Entretanto, foi somente em 1987 que a Comissão de Enquadramento Sindical do Ministério do Trabalho concedeu nova Carta Sindical que estendia a representatividade para todas as escolas do Estado, com exceção para o Ensino Superior, Auto e Moto-escolas. Após essa mudança é que a entidade recebeu a denominação oficial de Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de São Paulo.

Ao longo desses 79 anos de trabalho e dedicação, o SIEEESP desenvolveu e apresentou projetos educacionais de amplo impacto não apenas a seus associados, mas, também, à Educação como um todo. Cursos de aprimoramento de requalificação profissional, acompanhamento e respeito com os mantenedores, auxiliares e educadores, Congresso e Feira Saber, Projeto Saúde, Prêmio PCNs, essas foram apenas algumas das contribuições da entidade a essa área tão importante para a sociedade.

Filiado a instituições como a Federação Nacional das Escolas Particulares – FENEP; a Federacion de Asociaciones Educativas Privadas Latinoamericanas Y Caribe – FAEPLA e Confederacion Mundial de Enzeñanza Privada – COMEP, o Sindicato preocupa-se com cada setor que compõe uma escola e, por isso, ao longo dos anos, criou diversos departamentos, com a finalidade de suprir cada necessidade apresentada.

Dentre os departamentos têm-se o da Gerência Administrativa, que cuida de setores como Departamento Pessoal , Contas a Pagar, Serviços Gerais, Acompanhamento Bancário e assessoria à Diretoria na área econômico-financeira; Departamento Comercial, responsável por ações como parcerias com empresas e outras entidades, participação em feiras, congressos e outros eventos e obtenção de publicidade para os veículos de imprensa da instituição; Regionais, que tem como função representar o SIEEESP para as escolas que se situam fora da Capital.

Além desses, o Sindicato ainda conta com outros setores como o Departamento de Receitas / Cadastro e Arrecadação, que atualiza os cadastros, controla as contribuições, informa aos Associados seus direitos e deveres e responde pela remessa da correspondência da entidade; Departamento Jurídico, que cuida do assessoramento judicial e extrajudicial do Sindicato e garante orientação e acompanhamento jurídico às escolas associadas; Departamento Pedagógico, que atende às dúvidas pedagógicas dos estabelecimentos, através de consultas via direta, e-mail, telefone e por via postal; o antigo SIEEESP Presente, hoje Relações e Atendimento, no qual as escolas podem contar com um acompanhamento pessoal e personalizado feito por funcionários capacitados; o Departamento de Imprensa, que presta não apenas a Assessoria de Imprensa para o Sindicato, como, também, conta com veículos próprios de comunicação, merecendo destaque o Jornal Eletrônico Semanal e o Jornal Impresso da Escola Particular; e, por fim, o Departamento de Cursos, que realiza cursos de atualização e capacitação dirigidos aos professores, com o objetivo de requalificar e aprimorar o educador, garantindo a qualidade de ensino das escolas e por onde passam 40.000 educadores por ano.

Esse trabalho criado, desenvolvido e continuamente melhorado pelo Departamento de Cursos reflete-se nas edições do Congresso e Feira Saber. Percebendo no cotidiano as necessidades dos educadores é que se pensou e construiu todos os temas apresentados, nos mais variados workshops, palestras, relatos de experiência, cursos e mesas-de-debate.

O SIEEESP em números:

9.800 estabelecimentos de ensino, entre Educação Infantil, Fundamental e Médio no Estado de São Paulo;
4.000 cursos livres (escolas de informática, línguas, academias e afins);
360.000 professores que atendem cerca de 2.130.000 alunos

 

  Confira mais:
  Exibir tudo